a tropa de choque e o tropel

As asas do nariz do homem tinham a cor dos tomates maduros e tudo o resto foi inventado pelo autor do homem cujo sexo devolve à cabeça os pensamentos que esta havia enviado à fronteira do corpo onde este se divide em duas margens e dois rios: esquerdo, direito, esquerdo, direito, esquerdo, direito,… direito. alto! disper… sar!

A voz do coronel derramou-se sobre a parada: chuva de impropérios, chuva de perdigotos, ladrar de cães, miadela, mijadela. Apesar disso, com movimentos leves e livres, homens e formigas dirigem-se aos dormitórios, comendo os pequenos torrões de açúcar que o sargento lhes dera, após terem saltado os obstáculos, acicatados pelo nome que eles lhes chamava: Suas cavalgaduras!.

Mas é no bar que “Suas calvagaduras” apanham a “égua”.